Diversidade+: o jornalismo literário como recurso de humanização à comunidade LGBTQIA+

Autores

  • Walisson Oliveira Santos Faculdades Integradas do Norte de Minas
  • Elpidio Rodrigues da Rocha Neto Faculdades Integradas do Norte de Minas

DOI:

https://doi.org/10.46636/recital.v3i3.157

Palavras-chave:

Jornalismo Literário. Revista. Perfil. LGBTQIA .

Resumo

Esta pesquisa investiga se o jornalismo literário, com a proposta de humanizar histórias de vida, seria capaz de produzir novos sentidos acerca das identidades LGBTQIA+ e, em consequência, ressignificar a prática da representatividade ao valorizar a diversidade dos chamados “invisíveis” da sociedade contemporânea. Trata-se da perspectiva de uma especialização jornalística que se revela um campo amplo de atuação e oferece novas perspectivas na luta pela liberdade de pensamento e de expressão. O objetivo desta pesquisa visa utilizar o jornalismo literário para produzir uma revista com perfis de indivíduos, estruturando histórias de vida ligadas à comunidade LGBTQIA+. A proposta teórica do projeto encontra-se nos pressupostos metodológicos de revisão bibliográfica, abordagem qualitativa, de caráter exploratório e descritivo, valorizando a percepção de que a subjetividade é constituída pelo seu discurso. Como resultados, a finalização da revista Diversidade+ compreendeu que a abertura de debates sobre a comunidade é importante, porque traduz a reconstrução da cidadania desses indivíduos; além disso, a revista é o produto comunicacional ideal para compreender uma visão histórica e mais ampla dessas histórias de vida, porque permite mudanças significativas na elaboração de um espaço mais democrático de direitos humanos e contribui para a educação e a sensibilização sobre as diferenças identitárias presentes na sociedade contemporânea. Conclui-se o jornalismo literário como recurso de humanização e que os perfis jornalísticos literários em revistas carregaram marcas e pontualidades que permitem ressignificar estereótipos que podem atuar positivamente na luta anti-LGBTQIA+fobia, aproximando representação e identidade de indivíduos invisibilizados e provocando novas leituras sociais.

Downloads

Publicado

17.12.2021

Como Citar

SANTOS, W. O.; RODRIGUES DA ROCHA NETO, E. . Diversidade+: o jornalismo literário como recurso de humanização à comunidade LGBTQIA+. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, [S. l.], v. 3, n. 3, p. 174–194, 2021. DOI: 10.46636/recital.v3i3.157. Disponível em: https://recital.almenara.ifnmg.edu.br/index.php/recital/article/view/157. Acesso em: 16 jan. 2022.