Mapas de inundações para um Vale Urbano Estudo de caso em um trecho do canal da Av. Carlos Drummond de Andrade – Itabira / MG.

estudo de caso no trecho do canal da Av. Carlos Drummond de Andrade, Município de Itabira/MG

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46636/recital.v3i3.201

Palavras-chave:

Mapa de Inundação, Modelagem Hidrológica - Hidráulica de Eventos Extremos Urbanos, Manchas de Inundação, SIG

Resumo

A utilização de mapas de inundação para previsão no planejamento urbano é fundamental atualmente. Nesse contexto, dados os recursos disponíveis por meio de ferramentas SIG integradas aos modelos hidráulicos como HES-RAS, torna-se possível a geração de mapas de eventos pluviométricos extremos com maior fidedignidade. O presente estudo apresenta uma metodologia comumente utilizada por meio de um modelo hidráulico (HEC-RAS) acoplado a uma ferramenta de SIG para geração de um modelo simples de elevação do terreno. As chuvas extremas são geradas de diferentes formas, neste estudo foi adotada a abordagem das relações Intensidade-Duração-Frequência (IDF) constantes do software Plúvio. Portanto, para tempos de retorno de 2, 5, 10, 25, 50 e 100 anos, foram elaborados os mapas de inundações para o estudo de caso da Av. Carlos Drummond de Andrade, Itabira – MG. A metodologia é padronizada, podendo ser executada em demais regiões constantes de estudos hidrológicos apropriados e com informações refinadas do terreno. Os resultados permitiram especializar os cenários de inundações na região de estudo, e, ainda, fomentando uma avaliação socioeconômica de danos potenciais.

Biografia do Autor

Juni Cordeiro, UFMG

Possui graduação em Geologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2005) e mestrado em Geologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (2008). Atualmente é aluna de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Saneamento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Universidade Federal de Minas Gerais, área de concentração Recursos Hídricos. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geologia Regional.

Paulo Marinho de Oliveira, IFNMG

Possui graduação em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Lavras (1994), mestrado em Engenharia Agrícola pela Universidade Federal de Lavras (1997) e doutorado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2002). É professor Titular na área de Ciências Ambientais do Instituto Federal do Norte de Minas (IFNMG), Campus Diamantina. Desenvolve trabalhos na área de Engenharia Agrícola e Ambiental, com forte atuação em Gestão Integrada de Bacias Hidrográficas, Gestão de Recursos Hídricos e Análise de Impactos Ambientais sobre o meio ambiente físico. Docente das disciplinas Estatística Geral, Hidrologia, Gestão de Recursos Hídricos e Análise e Avaliação de Impactos Ambientais e Geotecnologias Aplicadas. Foi Diretor Geral do Instituto Federal da Bahia (IFBA), Campus Vitória da Conquista (2006 a 2014). Foi integrante do Conselho Assessor de Ciência e Tecnologia do IFBA; do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) do IFBA e representante dos Diretores Gerais no Conselho Superior - CONSUP do IFBA (2009 a 2014). Desenvolveu e Coordenou trabalhos de Pesquisa e Extensão, tendo orientado diversos alunos em Cursos Técnicos, de graduação e Pós-Graduação. Foi perito Técnico na área agroambiental. Foi Diretor de Administração e Planejamento do Campus do IFNMG em implantação na cidade de Diamantina - MG (2014 a 2019).

Downloads

Publicado

17.12.2021

Como Citar

CAMPERA, F.; CORDEIRO, J.; OLIVEIRA, P. M. de . Mapas de inundações para um Vale Urbano Estudo de caso em um trecho do canal da Av. Carlos Drummond de Andrade – Itabira / MG. : estudo de caso no trecho do canal da Av. Carlos Drummond de Andrade, Município de Itabira/MG. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, [S. l.], v. 3, n. 3, p. 85–106, 2021. DOI: 10.46636/recital.v3i3.201. Disponível em: https://recital.almenara.ifnmg.edu.br/index.php/recital/article/view/201. Acesso em: 16 jan. 2022.