As festas de Reinado no interior da cultura popular de Minas Gerais

entre o silêncio e o orgulho social

Autores

  • Mikael José Guedes Alves Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.46636/recital.v2i2.101

Palavras-chave:

congado, cultura popular, patrimônio

Resumo

O presente texto apresenta um breve histórico da formação das festas de reinado no Brasil, de modo especial no estado de Minas Gerais, e evidencia seu processo de consolidação como movimento religioso e cultural, e os principais desafios verificados na sua trajetória. Aponta-se também algumas medidas e iniciativas voltadas à sua preservação, dentre elas algumas empreendidas espontaneamente pelos indivíduos envolvidos no reinado ou pela recente legislação voltada à sua documentação e registro nos órgãos de patrimônio. Por fim, essa breve análise busca indicar as diversas posições que o reinado ocupou no contexto social com base nas propostas de diferentes naturezas a ele recomendadas.

Downloads

Publicado

2020-12-12

Como Citar

ALVES, M. J. G. As festas de Reinado no interior da cultura popular de Minas Gerais: entre o silêncio e o orgulho social. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, [S. l.], v. 2, n. 2, p. 82–95, 2020. DOI: 10.46636/recital.v2i2.101. Disponível em: https://recital.almenara.ifnmg.edu.br/index.php/recital/article/view/101. Acesso em: 9 mar. 2021.