Sorgo granífero cultivado sob diferentes doses de fósforo

Autores

  • Felipe Albino Malta da Silva Universidade do Estado de Minas Gerais
  • Edson José da Silva Campos Júnior Universidade do Estado de Minas Gerais
  • Jaqueline Maria do Nascimento Agrocete
  • Christiano da Conceição de Matos Universidade do Estado de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.46636/recital.v4i3.327

Palavras-chave:

Adubação fosfatada, Nutrição de plantas, sorgo

Resumo

No decorrer dos últimos anos, foram desenvolvidos híbridos de sorgo [Sorghum bicolor (L.) Moench] de alta produtividade, a exemplo do sorgo granífero Nugrain 430. Hipotetiza-se que esses novos materiais sejam mais responsivos à adubação, especialmente, no cultivo de safrinha. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da aplicação de doses crescentes de fósforo sobre o crescimento e a produtividade de um novo genótipo de sorgo granífero, o Nugrain 430, cultivado em safrinha. O experimento foi realizado no campo em delineamento em blocos ao acaso, com quatro repetições. Os tratamentos foram constituídos por cinco doses de fósforo, 40, 60, 80, 100 e 120 kg ha-1 de P2O5, aplicados nas linhas de plantio de sorgo variedade Nugrain 430, utilizando-se como fonte o nutriente o MAP (fosfato monoamônico). As plantas foram colhidas aos 117 dias após semeadura (DAS). De maneira geral, não houve efeito das doses de P no crescimento e produtividade do sorgo granífero. Houve incidência de três geadas na região, o que pode ter contribuído para a ausência de resposta ao aumento do fornecimento de P no solo. Conclui-se que o aumento de doses de P2O5 não influencia o crescimento e a produtividade do sorgo granífero Nugrain 430 cultivado em safrinha.

Downloads

Publicado

18.01.2023

Como Citar

SILVA, F. A. M. da; CAMPOS JÚNIOR, E. J. da S.; NASCIMENTO, J. M. do; MATOS, C. da C. de. Sorgo granífero cultivado sob diferentes doses de fósforo. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, [S. l.], v. 4, n. 3, p. 88–103, 2023. DOI: 10.46636/recital.v4i3.327. Disponível em: https://recital.almenara.ifnmg.edu.br/index.php/recital/article/view/327. Acesso em: 3 fev. 2023.