A importância das disciplinas didático-pedagógicas na formação do professor em química

Autores

  • Fábio Cardoso Lima IFNMG
  • Profª. Drª. Jaciely Soares da Silva. Instituído Federal do Norte de Minas Gerais/ campus Salinas

DOI:

https://doi.org/10.46636/recital.v4i2.263

Palavras-chave:

Formação de professores, disciplinas didático-pedagógicas

Resumo

A formação docente no Brasil experimentou diferentes mudanças, sendo que, muitas delas, estavam associadas a contextos específicos e concepções sobre Educação. Dentre as mudanças ocorridas destacamos a proposta de remodelação da estrutura curricular das Licenciaturas, as quais propôs romper com o modelo que ficou conhecido no sistema de ensino como 3+1 que priorizava uma formação organizacional não pautada em um diálogo entre o conteúdo das disciplinas específicas e as pedagógicas. Conhecedor desse processo histórico que permeia os cursos de Licenciaturas no Brasil, o presente artigo pretende a apresentar os resultados da pesquisa de Trabalho de Conclusão de Curso, o qual propôs problematizar o percurso formativo dos discentes no Curso de Licenciatura em Química do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais – Campus Salinas e como os tais percebem essas disciplinas em sua formação. Na busca de responder as perguntas levantadas, a pesquisa se pautou no uso de questionários para a coleta do material empírico, e os sujeitos selecionados foram os docentes do Curso de Química (área específica e pedagógica), e, discentes do 5º e 7º período do curso.  A metodologia adotada se pautou em uma abordagem qualitativa e foi desenvolvida através de uma pesquisa exploratória. Os dados foram selecionados por categorias para realizar uma análise de conteúdo em diálogo com a teoria citada. E como resultado foi possível perceber que no curso de Licenciatura do IFNMG/Salinas, há por parte dos discentes, certa desvalorização ao cursarem as disciplinas didático-pedagógica, pois os mesmos veem tais disciplinas como mais fáceis e menos necessário a formação. Já os docentes, apresentaram, que percebem as disciplinas didático-pedagógicas importantes, mas que não há diálogo entre as áreas devido à falta de articulação, o que vem gerado, com isso, uma dicotomia entre as áreas de formação.

Downloads

Publicado

01.11.2022

Como Citar

CARDOSO LIMA, F.; SOARES DA SILVA. , J. . A importância das disciplinas didático-pedagógicas na formação do professor em química. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 27–43, 2022. DOI: 10.46636/recital.v4i2.263. Disponível em: https://recital.almenara.ifnmg.edu.br/index.php/recital/article/view/263. Acesso em: 28 nov. 2022.