Nós e o fogo

dialogando sobre essa prática agrícola no norte do Piauí

  • Mairon Neves de Figueiredo Universidade Federal de Viçosa
  • João Vitor Andrade Universidade de São Paulo
  • Thais de Carvalho Maia Universidade Federal de Viçosa
Palavras-chave: Fogo, Rondon, Crítico-Reflexivo

Resumo

Desde os tempos antigos, o fogo acompanhou o desenvolvimento humano e fez grandes progressos como ferramenta agrícola. No entanto, o uso incorreto do fogo nas áreas rurais perpetua-se como um dos principais responsáveis ​​pelos incêndios florestais. Portanto, entender os motivos que levam ao uso do fogo ajuda no desenvolvimento do planejamento e execução de projetos de conscientização. Nesse contexto, o trabalho foi desenvolvido a partir da experiência de estudantes da Universidade Federal de Viçosa no Projeto Rondon: Operação Parnaíba 2019, nas oficinas intituladas “Nós e o fogo: viabilidade, gerenciamento e segurançaâ€, na cidade de Nossa Senhora dos Remédios, no interior do Piauí. Nesta região, o uso do fogo segue aspectos culturais e econômicos. Seus danos ambientais, sociais e agrícolas são frequentemente desconhecidos e/ou ignorados pelos residentes locais. Aliado a isso, na região, a aplicação deficiente permite que incêndios criminais sejam comuns ali. Assim, as técnicas tradicionais no uso do fogo ainda resistem como uma prática agrícola.

Biografia do Autor

Mairon Neves de Figueiredo, Universidade Federal de Viçosa

Engenheiro Agrônomo formado pela Universidade Federal de Viçosa(UFV). Iniciou a carreira no meio agrário no Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG-Campus Almenara) como Técnico em Agropecuária. Possui vasta experiência no ramo Agrário e Zootécnico, voltado ao Manejo, Planejamento e Aptidão dos Solos, além da recuperação de áreas degradadas. Atualmente voltado nos trabalhos relacionados a Nutrição Mineral de Plantas.Tendo como foco de seus estudos a dinâmica de absorção dos nutrientes via solução nutritiva e foliar em cultivos hidropônicos.

João Vitor Andrade, Universidade de São Paulo

Residente em Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiátrica na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Enfermeiro graduado pela Universidade Federal de Viçosa (2019). Atua na área da saúde, com ênfase em Educação em Saúde, Ensino em Saúde, Ãndices de Mortalidade Precoce, Enfermagem em Saúde Mental e Psiquiátrica, Cuidados Paliativos Oncológicos e Espiritualidade em Saúde. É consultor Ad-hoc de 10 periódicos científicos nacionais e internacionais, já publicou dezenas de trabalhos no formato de artigos e resumos na forma de poster ou apresentação oral em congressos nacionais e internacionais

Thais de Carvalho Maia, Universidade Federal de Viçosa

Estudante de Engenharia Ambiental na Universidade Federal de Viçosa - UFV. Atua principalmente nos seguintes temas: educação ambiental, desenvolvimento rural, conservação de solo e água e hidrologia.

 

Publicado
2020-06-03
Como Citar
NEVES DE FIGUEIREDO, M.; ANDRADE, J. V.; DE CARVALHO MAIA, T. Nós e o fogo. Recital - Revista de Educação, Ciência e Tecnologia de Almenara/MG, v. 2, n. 1, p. 81-94, 3 jun. 2020.
Share |